domingo, 18 de abril de 2010

Bom dia!

Pessoal hoje o dia foi de aventura, muito bom.

Pela primeira vez eu peguei e vi na neve pessoal! Mary e Ron nos pegaram e levaram para uma montanha, o carro é bom, tração 4x4, e a subida é da boa.

Parecia uma criança, gente me deixa falar como é a neve, é gelada!...rs..rs.. Só que tem um problema, ela está derretendo, por isto, molha muito e o tênis fica encharcado. Confesso que estou muito feliz, isto é uma realização pessoal. Poxa vida, pensei que nunca viria isto. Como são as coisas. Mary e Ron são duas pessoas maravilhosas, eles não sabem o que fazer para nos agradar, tivemos muita sorte em estar com eles e conhecê-los.
Junto levamos Nellie, um cachorro muito educado, você abre a porta do carro e ela fica esperando você chamar, bem diferente da minha cadela Akina. Ela é muito dócil e comprei até uma bolinha de presente para ela.

Depois fomos conhecer uma Fazenda que cria Alces, no caminho vimos esta aqui correndo:
Voltamos para casa e esperamos os outros membros chegarem. Quando todos chegaram, preparamos os quadriciclos, abastecemos e fomos pegar uma trilha. Quando começamos eram 11 horas da manhã, eu nunca havia pilotado uma, fiquei com medo. A minha era a única que tinha marcha. Coragem, pensei comigo, é só ir devagar. Para piorar um pouquinho, tive uma carona, e a minha responsabilidade aumentou consideravelmente. Eu cair sozinho, beleza, mas eu machucar outra pessoa, é preocupante. A Sueli e Eu estávamos em quadriciclo. O caminho começou fácil, estava tranqüilo, depois o caminho piorou e MUITO! A Sueli não parava de gritar, direita, DIREITA.... Esquerda, ESQUERDA! Foi só no começo, depois nós dois acostumamos, o caminho é muito difícil, somente com quadriciclo ou a pé conseguiríamos fazê-lo. Confesso que fiz algumas barbeiragens, mas nada que não pudesse concertar. Tivemos momentos espetaculares. Sueli e eu nos divertimos muito, acredito que todo o grupo teve uma experiência inacreditável.
Finalmente encontramos um “BAR” no caminho, você que me conhece, sabe que isto não pode faltar. Já fiz amizade com os amigos de botecos, inclusive, me convidaram para uma partida de sinuca, mas como não é minha “praia”, rejeitei o convite. Tomei uma cerveja americana, que delicia. Mas não troco pela minha Brahma...rs...rs.... Voltamos para casa, dominando a máquina quadriciclo, ela é um muito dura, meu braço está doendo e fiquei todo sujo de pó, foram mais de 5 horas andando em trilhas. Estou até com vontade de comprar uma para mim.

A noite tivemos a primeira oportunidade de apresentar a nossa palestra, o publico estava havido pelo que iríamos apresentar sobre o Brasil. Fomos recepcionados com um churrasco de Alce, muito gostoso, o churrasco aqui é Hamburguer, e não tem picanha...rs..rs.... Mas é muito bom, o pessoal prepara uma bela mesa com muitas coisas para comer. Mas nada como o nosso churrasco.

É isto ai, minha estadia e de todos do grupo esta finalizando com estas famílias, estamos indo para outra cidade. Já arrumei minha mala, e amanhã o dia começa as 6hrs.
Vou sentir falta desta família, que Deus retribua tudo em dobro para Ron e Mary. Eles já moram no lado esquerdo do meu peito.

Vamos ver o que nos espera para a outra cidade.

Um abraço e até amanhã!

Wacháchá!

Um comentário:

Fábio Kruse disse...

E aí sumido!!!!

Parabéns pelas aventuras!

Estamos tentando sem sucesso falar no seu celular...

Abraços de toda galera da JCB!!!

Fábio Kruse